Permacultura

A unidade de Permacultura,  contígua ao Jardim de Cheiros, demonstra um sistema de produção planejado, onde a natureza trabalha em seus vários ciclos, representando assim um dos princípios fundamentais da Permacultura,  em que tudo está interligado.

No Jardim, os visitantes observam as plantas, seus sistemas cíclicos e evolutivos, discutem conexões estabelecidas no desenho e disposição das plantas em seus ambientes naturais e jardins planejados.

Para a construção da unidade de Permacultura utilizou-se técnicas de bioconstrução, uma modalidade da arquitetura e da construção civil, que reúne tecnologias milenares e inovações recentes, a fim de garantir a sustentabilidade não só do processo construtivo, mas também do período pós-ocupação.

A unidade do Jardim Botânico foi construída de forma participativa, por meio de oficinas educativas com crianças e multiplicadores, sob a supervisão do Instituto de Permacultura – IPOEMA, financiada pela Companhia de Abastecimento de Água e Esgoto de Brasília – CAESB.

O espaço é  uma unidade metodológica auto-interpretativa. Todos os elementos agregados ao processo construtivo são destacados sob o ponto de vista da sustentabilidade ecológica. Seu entorno agrega um quintal agroflorestal e uma unidade de captação de água da chuva para abastecimento do espaço, que atualmente é utilizado pelos educadores para promoção de encontros e exposições de arte.

DCIM100GOPRO

DSCN0874 DSCN0877

DCIM100GOPRO